quinta-feira, 24 de março de 2011

A vida dos outros, a camareira e outra coisas mais


Esses dias assisti ao filme "A Vida dos Outros" de Florian Henckel von Donnersmarck, achei o filme incrível e me fez pensar em muitas coisas. Dois dias depois, Dona Maria, minha vizinha, diz que tem um livro para me emprestar e que eu iria adorá-lo. E de fato eu adorei. O livro é "A Camareira" do autor (também alemão)Markus Orths. E não é que as duas histórias tem um enredo em comum que me chamou muita a atenção? Em "A vida dos Outros", Gerd Wiesler, um obediente oficial da Stasi, tem a missão de espionar 24 horas por dia o escritor Georg Dreyman, para vigiar sua conduta e posição em relação ao seu país e seu regime político. No intrigante romance "A camareira", Lynn é uma mulher solitária e neurótica que acaba de sair de uma crise existencial e consegue um emprego como camareira de um movimentado hotel. Tanto Wiesler como Lynn são super dedicados no que fazem, digamos até obstinados, isso porque querem esconder uma vida triste e solitária, por isso se jogam de cabeça nos seus ofícios. Até que Wiesler se vê facinado pela vida do escritor que ele vigia. E quanto mais ele se envolve nesta espionagem da vida dos outros, mais se evidencia a pobreza de sua vida pessoal. Lynn, por sua vez, cria o estranho hábito de esconder-se debaixo das camas dos hóspedes para espiar o que se passa com as pessoas desconhecidas durante a noite. E isso passa a proporcionar-lhe um prazer imenso, que sua vida real não o faz. E ambos seguem assim, contentando-se em viver a vida dos outros em detrimento das suas próprias vidas, pois estas já não os satisfazem mais. O final destas histórias, eu recomendo que assistam ou leiam nestas duas grandes obras. E este relato termina com o almoço que tive com duas queridas amigas hoje, em que justamente falávamos da inútil capacidade dos seres humanos de intrometer-se na vida dos outros. É incrível como muitas pessoas esquecem de seguir o seu caminho, pois estão sempre preocupados em saber ou ficar sabendo o que fazem os outros. Fica a dica. Be yourself.


Um comentário:

  1. fica a dica...perfeita pra viver melhor. adorei o texto, pati.

    ResponderExcluir